Colunistas

Folga para mamãe não é luxo, é necessidade!

Só de pensar em nos afastarmos de nosso pequenos aperta o peito, dói. Porém, essa dedicação que nós damos gera um enorme cansaço tanto físico quanto psicológico. Cuidar de nossas crianças não é fácil, mas nada nessa vida é fácil, não é mesmo?

As noites mal dormidas, os cuidados e toda a atenção que dedicamos aos nossos pequenos, pode nos consumir e acabar nos afastando das outras pessoas que nos rodeiam e que são importantes para nós.
Pessoas que precisam também da nossa atenção, e nós da atenção delas.
Começamos a sentir saudades da vida que levávamos antes de ser mãe.
Ah! As festinhas, as saídas com os amigos, saudades do tempo com o maridão, e começamos a perceber que sentimos sim falta de tudo isso, mas percebemos também que sentimos falta de coisas mais simples como dormir uma noite inteira, ir ao banheiro sozinha, tomar um banho um pouco mais demorado, comer sem ser interrompida…
Como disse, não é fácil para ninguém, nem para você mamãe… É um trabalho maravilhoso, poder cuidar de nossos pequenos, mas não quer dizer que não dá um trabalho imenso.

Portanto quando se sentir casada planeje uma folga para você, tire um tempo para fazer nada e vai perceber que já faz um tempo que você não faz nada e valorize esse momento.
Combine com alguém de confiança para ficar com as crianças.
E não precisa levar a “culpa” junto com você, tire folga dela também, afinal todo trabalho precisa de folga e quem cuida precisa se cuidar também.
Você precisa estar bem descansada e disposta para você e para a sua família.

As férias de uma mãe são boas não só para ela, mas para toda a família.
Imagina toda essa rotina vivida por dias e dias a fio sem um descaso, vai chegar em um momento que você não se sentira disposta para nada, cuidar de tudo será um fardo.
Você ficará muito impaciente com as coisas mais simples, isso vai acabar prejudicando o seu relacionamento com seu filho, com o marido, e com as outras pessoas mais próximas, porque você vai estar de “saco cheio” de tudo, e por mais incrível que pareça, você ira começar a se culpar por tudo e a acreditar que não tem saída que será assim para sempre.
Por isso, enfatizo que não é luxo e sim uma necessidade esse tempo para nós!
Sei que apesar de tudo, só de pensar em querer tirar férias dos nossos filhos ou ter um tempo só para nós, começamos a nos sentir egoístas, a nos julgar e a nos culpar por ter esses pensamentos, e como se não bastasse já o nosso julgamento, a sociedade ainda não aprendeu a nos respeitar como devemos ser respeitadas, começam a apontar o dedo, como se fossemos realmente culpadas de algum crime.
Não é nenhum crime tirar um tempo para nós mesmo, é bastante saudável e necessário. Esses esse tempo não precisar vir carregado de pensamentos negativos, culpa, julgamentos e arrependimentos.

Normalmente esses desejos acontecem em momentos de muito cansaço e estresse, quando as crianças não param de gritar, chorar, brigar uma com as outras, nessas horas da vontade de sumir.
Toda mãe em algum momento sente essa vontade, a diferença é que algumas tem coragem de admitir e outras falta coragem para assumir até para elas mesmo.
Isso tudo porque criou-se a ideia de que mãe tem que estar pronta para tudo, tem que estar sempre disposta, feliz e satisfeita. Lamento, mas isso só existe nos comerciais de margarina com aquela família falsa, perfeita sentando à mesa. Mas a real é que você mamãe, pode e vai se sente cansada da função materna, realmente ela muito exaustiva. Devemos ter consciência de que apesar de sermos ótimas mães, somos seres humanos que temos limites e necessidades, e estes também precisam ser respeitados, atendidos, aceitados e acolhidos.

A sua vida não se resume apenas aos cuidados das crianças, talvez elas ocupem uma grande parte do seu tempo, mas você precisa fazer sobrar um tempinho para você, para o seu marido, para os familiares e amigos.

Tirar um tempinho para passar longe dos filhos é importante e necessário e ninguém tem que se culpar por querer isso, isso é saudável e faz bem para você e sua família. Verá que quando retornar estará com o corpo e mente descasadas e com animo e disposição para tudo, se sentirá renovada.

#julguemenoseapoemais

Por a colunista Liane Gonçalves Correia
Psicóloga
@lianeleah

Gostou do post? Deixa aqui nos comentários!
Você também ode gostar desse A dor e a delícia de ser mãe – Da gestação ao parto

Siga-nos em nossas redes sociais:

Instagram
Facebook
Pinterest

Participe do nosso grupo no whatsapp: Participar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *